/ Sinopse
/ informação adicional
/ voltar
Preços com desconto (c/d)
Cartão Jovem, Menores de 30 anos e Estudantes
Cartão Municipal de Idoso, Reformados e Maiores de 65 anos
Cartão Municipal das Pessoas com Deficiência; Deficientes e Acompanhante

Cartão Quadrilátero Cultural_desconto 50%
Sábado, 4 Maio | 21h30 a Domingo, 5 Maio | 17h00
Teatro | Grande Auditório
Sopro + Como ela morre | Tiago Rodrigues
Cristina Vidal é ponto do Teatro Nacional D. Maria II há mais de 25 anos. Como tantos outros trabalhadores que fazem teatro sem nunca pisar as tábuas diante do público, manteve-se nos bastidores. Até que o encenador Tiago Rodrigues passou também a dirigir o teatro nacional e decidiu criar Sopro a partir da sua experiência. A ponto passa para o centro da cena. Sopro é o primeiro de dois espetáculos de Tiago Rodrigues com que o CCVF volta a dar ao público a oportunidade de olhar a obra de um artista de forma menos dispersa do que habitualmente as programações são capazes.
Em dias consecutivos, o público vai poder ver duas das mais recentes criações de um dos mais importantes diretores do teatro nacional da sua geração. No dia seguinte, o Grande Auditório recebe Como Ela Morre, coprodução internacional do D. Maria II com a companhia belga tg STAN – que já passou por Guimarães em 2016 com a sua versão de O Ginjal de Tchékov. É também a partir de um clássico russo que se constrói este espetáculo, inspirado por Anna Karenina, obra-prima de Tolstói, e pela forma como o romance pode mudar as vidas dos seus leitores e transformar o modo como a personagem central morre.
 
SOPRO 7,50 eur / 5,00 eur c/d | COMPRAR 

COMO ELA MORRE 7,50 eur / 5,00 eur c/d | COMPRAR 

BILHETE CONJUNTO [SOPRO + COMO ELA MORRE] 10,00 eur | COMPRAR
SOPRO
Produção TEATRO NACIONAL D. MARIA II
Coprodução ExtraPôle Provence-Alpes-Côte d´Azur, Festival d´Avignon, Théâtre de la Bastille, La Criée Théâtre national de Marseille, Le Parvis Scène nationale Tarbes Pyrénées, Festival Terres de Paroles Seine-Maritime – Normandie, Théâtre Garonne scène européenne, Teatro Viriato
_
Texto e encenação Tiago Rodrigues 
Com Beatriz Brás, Cristina Vidal, Isabel Abreu, João Pedro Vaz, Sofia Dias, Vítor Roriz
Cenografia e desenho de luz Thomas Walgrave 
Figurinos Aldina Jesus 
Sonoplastia Pedro Costa 
Assistente de encenação Catarina Rôlo Salgueiro 
Operação de luz Daniel Varela 
Produção executiva Rita Forjaz 
Assistência de produção Joana Costa Santos 
Apoio Onda
Duração 1h45min.
M/12
 
COMO ELA MORRE
Produção tg STAN e TEATRO NACIONAL D. MARIA II
Coprodução Théâtre Garonne, Kaaitheater 
_
Texto e cocriação Tiago Rodrigues
Cocriação e interpretação Frank Vercruyssen, Isabel Abreu, Jolente de Keersmaeker, Pedro Gil
Figurinos An D´Huys, Britt Angé
Desenho de luz Thomas Walgrave
Duração 1h30min.
M/12
2009 © Design Martino&JañaDesign | Programação Webprodz | Optimizado para resoluções superiores a 1280x800