/ Sinopse
/ informação adicional
/ voltar
Público-alvo Maiores de 7 anos
Preço 2€
Duração 45 min.
Sexta, 23 Outubro a Sábado, 24 Outubro
Espetáculos | Pequeno Auditório
Que não te assuste o meu nome
Teatro de Marionetas
O pequeno Andrés tem um dilema: o desconhecido assusta e há palavras, como m…, que não queremos pronunciar. Mas, uma noite, uma bela mulher mostrará a Andrés como seria um mundo em que a morte não existisse.

Ele compreenderá então que os ciclos precisam de se cumprir para que possamos continuar a viver e que a vida e a morte são apenas ramos do mesmo tronco.

 

A partir de um conto tradicional e incluindo poemas de autores tão marcantes como Lorca ou Heraclito, a Companhia de Títeres María Parrato volta a surpreender-nos pela abordagem poética que faz de um dos medos mais presentes na infância: a perda de alguém querido. Este é um espectáculo de marionetas, sombras e actores, que cria um mundo muito humano: iluminado e sombrio, claro e misterioso.
 

Adaptação María José Frías y Nuria Aguado, a partir de um conto tradicional, incluindo poemas de Espronceda, Lorca, Eduardo Galeano e Heraclito Direcção Mauricio Zabaleta Manipulação e interpretação Nuria Aguado e María José Frías Luz Marino Zabaleta Fotografia e grafismo Chema Castelló Técnico de luz e som M. Zabaleta Produção Títeres de María Parrato Com a colaboração do INAEM (Instituto de las Artes Escénicas y de la Música) e da Junta de Castilla y León
 

2009 © Design Martino&JañaDesign | Programação Webprodz | Optimizado para resoluções superiores a 1280x800