/ Sinopse
/ informação adicional
/ imagens
/ voltar
Preços com desconto (c/d)
Cartão Jovem, Menores de 30 anos e Estudantes
Cartão Municipal de Idoso, Reformados e Maiores de 65 anos
Cartão Municipal das Pessoas com Deficiência; Deficientes e Acompanhante

Cartão Quadrilátero Cultural_desconto 50%
Sábado, 25 Fevereiro | 22h00
Teatro | Grande Auditório
O Duelo
Útero
“O Duelo”, criação que comemora os 20 anos do Útero, chega ao palco do Centro Cultural Vila Flor. Miguel Moreira regressa a Guimarães para apresentar o seu olhar sobre a obra de Bernardo Santareno, um dos grandes dramaturgos portugueses do séc. XX.
Em cena, sete intérpretes e cocriadores “cospem” palavras, acompanhados pela música de Pedro Carneiro que afina o lugar do som e das emoções. Os seus corpos, oprimidos, tentam libertar-se. Neste duelo, não há receio em acentuar os elementos rurais que, hoje, julgamos terem desaparecido. Permanecem traços de um outro tempo. Um tempo onde corpos, cheios de instintos primários, tentam sonhar outra vida. “O Duelo” enquadra-se no universo da lezíria ribatejana e é um retrato repleto de tensões na difícil relação entre os senhores e os seus subordinados. A linguagem de Bernardo Santareno remete-nos para o lado mais animalesco que carregamos dentro de nós. Ao assinalar os 20 anos de existência do coletivo artístico, o Útero pega nesta peça e dá-lhe um corpo, exacerbando a ruralidade que aproxima os homens dos animais. O teatro e a dança fundem-se para irmos aos lugares mais marginais que temos dentro de nós.
A partir de Bernardo Santareno
Encenação Miguel Moreira / Útero em cocriação com Ana Ribeiro, Beatrice Cordier, Camilla Morello, Cláudia Andrade, Francisco Camacho, Romeu Runa, Sandra Rosado, Sofia Skavotski
Com Ana Ribeiro, Beatrice Cordier, Camilla Morello, Francisco Camacho, Romeu Runa, Sandra Rosado, Sofia Skavotski
Conceção plástica Jorge Rosado
Com colaboração nos figurinos de Aldina Jesus
Música original Pedro Carneiro
Assistência de encenação Carlos António, Catarina Félix
Produção Útero
Coprodução TNDM II, Centro Cultural Vila Flor, Casa das Artes de Famalicão, Teatro Aveirense, Teatro Cine de Torres Vedras, Cine Teatro Avenida
O Útero é uma companhia apoiada pelo Estado Português – Direção Geral das Artes
Maiores de 16
2009 © Design Martino&JañaDesign | Programação Webprodz | Optimizado para resoluções superiores a 1280x800