/ Sinopse
/ informação adicional
/ voltar
PREÇO ESPECIAL ALUNOS
ESCOLAS ARTES PERFORMATIVAS
4,00 EUR

Preços com desconto (c/d)
Cartão Jovem, Menores de 30 anos e Estudantes
Cartão Municipal de Idoso, Reformados e Maiores de 65 anos
Cartão Municipal das Pessoas com Deficiência; Deficientes e Acompanhante
Sócios do CAR – Círculo de Arte e Recreio

Cartão Quadrilátero Cultural_desconto 50%
Quinta, 1 Junho | 21h30
Teatro | Pequeno Auditório
Geocide | ESTREIA
Festivais Gil Vicente 2017
“Geocide” conta a história de um mundo.
A edição de 2017 dos Festivais Gil Vicente arranca com a estreia absoluta de “Geocide”, um espetáculo da Estrutura (Cátia Pinheiro e José Nunes), com a colaboração dramatúrgica de Rogério Nuno Costa, que se lança nos temas da mobilidade demográfica, das narrativas distópicas, das visões de futuro apocalípticas, da biopolítica e, consequentemente, da geopolítica. No palco, três seres habitam um espaço e a ação não está naquilo que eles transportam, mas no dispositivo que pisam. Imagina-se um tempo (“futuro”?) onde a memória terá sido apagada a favor de uma noção de humanidade reduzida à (sua) eterna contemplação. 
 
ASSINATURA FESTIVAIS GIL VICENTE 2017
25,00 EUR (acesso a todos os espetáculos) | COMPRAR
Criação Cátia Pinheiro e José Nunes 
Colaboração dramatúrgica Rogério Nuno Costa 
Interpretação Cátia Pinheiro, José Nunes e Tiago Jácome 
Desenho de luz Daniel Worm d`Assumpção 
Figurinos Jordann Santos 
Assistência à criação Mafalda Banquart e Tiago Jácome 
Imagem, registo e apoio ao vídeo António MV 
Produção Estrutura 
Coprodução Centro Cultural Vila Flor, 23 Milhas - Fábrica das Ideias da Gafanha da Nazaré 
Apoio à Residência O Espaço do Tempo, Centro de Criação de Candoso e Fábrica das Ideias da Gafanha da Nazaré 
Maiores de 12
2009 © Design Martino&JañaDesign | Programação Webprodz | Optimizado para resoluções superiores a 1280x800