Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
menu logo
main logo
menu logo
menu logo
menu logo
menu logo
menu logo
site atual logo
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Black Box

DOMINGO 14 NOVEMBRO, 19H30

Projeto Porta-Jazz / Guimarães Jazz

Inês Malheiro

GUIMARÃES JAZZ | 30 ANOS

Em 2021, o Guimarães Jazz e a associação Porta-Jazz reeditam uma parceria que no decurso dos anos recentes do festival tem promovido o encontro entre músicos de jazz e artistas plásticos, cabendo este ano essa responsabilidade a um grupo de cinco jovens instrumentistas liderados por Inês Malheiro e em colaboração com a artista plástica Carolina Fangueiro. Nesta performance/concerto procura-se, de acordo com as palavras dos seus criadores, “a ligação do espaço sonoro com o espaço cénico”, numa tentativa de expandir o impacto sensorial da música para o domínio da visualidade, iluminando assim a presença primordial que antecede o som.

Inês Malheiro é uma artista com um trabalho que explora a dimensão performática da voz e do som na criação de narrativas compostas ou improvisadas. Ao longo do seu percurso no campo da arte tem colaborado com vários músicos e artistas (a rapper Capicua e o baterista e compositor Pedro Melo Alves são alguns exemplos, entre outros) ao mesmo tempo que desenvolve as suas criações em nome próprio (é esse o caso da série de músicas “The endless chaos has an end”) ou em regime de cocriação, como as obras “Canal-Conduto” e “Organismus Kathársis II”, criadas em colaboração com Gonçalo Penas e Francisca Marques.


João Almeida é um trompetista e improvisador da nova geração do jazz português que, à semelhança de muitos dos seus contemporâneos, concluiu os seus estudos académicos na Escola Superior de Música de Lisboa e colaborou com a Orquestra de Jazz do HotClub de Portugal, onde teve a oportunidade de trabalhar com músicos reputados como Julian Argüelles e John Hollenbeck. Nos anos mais recentes, este trompetista tem intensificado a sua relação com a improvisação não-idiomática, o que levou a colaborações com alguns dos nomes influentes da cena avant-jazz lisboeta, como Rodrigo Amado, Ernesto Rodrigues ou Adbul Moimême.


Aos vinte e cinco anos, Vicente Mateus é um baterista talentoso e um dos nomes em destaque da mais recente geração artística do Porto. Com formação em artes plásticas e sonoras, este artista e músico trabalha sobretudo em colaboração nos campos do som e do desenho, usando a bateria como veículo central de expressão musical.


Atualmente a residir em Copenhaga, o saxofonista, compositor e produtor, Daniel Sousa incorpora na sua linguagem musical ideias, conceitos e práticas vindas dos campos do genre-bending, sound art e sound design. Com um percurso académico no jazz, música clássica e performance, é um artista MEDINEA (Mediterranean Incubator of Emerging Artists), colabora com CICP (Composers and Improvisers Community Project) e desenvolve trabalho em cocriação com Joana Alhau no contexto do duo 293 diagonal.


José Vale é um guitarrista e compositor, focando-se maioritariamente na música improvisada, psicadélica e noise. É fundador dos grupos Lucifer’s Pool Party e Tentáculo, e do duo miscalculation has found the new truth. A solo assina como kagemushin e colabora também com os coletivos OU.TU.BRO e Unsafe Space Garden.


Atualmente radicada no Porto, Carolina Fangueiro é uma artista licenciada pela Faculdade de Belas Artes de Lisboa e com formação em ballet, dança contemporânea e música clássica, cujo trabalho se desdobra pela pintura, escultura, cerâmica, som, dança e performance. Desde 2016 que expõe e organiza regularmente exposições entre Lisboa, Coimbra e Braga, tendo também participado em várias residências artísticas.


-

18h30

Apresentação dos CD’s Porta-Jazz / Guimarães Jazz 2019 e 2020

 

Antes do concerto do projeto deste ano, serão apresentados os discos resultantes das edições anteriores: 2019 (composta por Miguel Moreira, Lucien Dubuis, Mário Costa, Rui Rodrigues e Valter Fernandes) e 2020 (formada por Hugo Raro, Miguel Amaral, Rui Teixeira, Alex Lázaro e AS).

Assinatura 4 concertos
45,00 eur

COMPRAR

Assinatura 3 concertos
35,00 eur

COMPRAR

Assinatura Integral
90,00 eur

COMPRAR

Projeto Porta-Jazz
10,00€ / 7,50€ c/d

COMPRAR

Maiores de 6

Inês Malheiro voz e eletrónica

João Almeida trompete

Daniel Sousa saxofone e eletrónica

José Vale guitarra

Vicente Mateus bateria

Carolina Fangueiro escultura, cenografia