GUIdance
Westway LAB
Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
GUIdance
Westway LAB
Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
GUIdance
Westway LAB
Festivais Gil Vicente
Festas da Cidade e Gualterianas
menu logo
menu logo
menu logo
main logo
menu logo sem link
menu logo sem link
menu logo
site atual logo
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Grande Auditório

QUINTA 7 NOVEMBRO, 21H30

Charles Lloyd
Kindred Spirits

A edição de 2019 do Guimarães Jazz inaugurar-se-á com a atuação daquele que é um dos grandes músicos de jazz vivos – o saxofonista Charles Lloyd. Na música de Charles Lloyd cabe um mundo feito de memórias musicais que expressam a memória de um povo e um país, e a essa dimensão de universalidade poucos artistas acedem.

Um saxofonista superlativo e um compositor sofisticado, Lloyd atravessou, foi e continua a ser um protagonista destacado na edificação do vasto e riquíssimo património musical praticamente da segunda metade da música popular do século XX, tendo tocado com praticamente todos os grandes nomes do jazz, do blues e do rock, desde B.B. King e Howlin’ Wolf até Cannonball Adderley, Don Cherry, Tony Williams e Keith Jarrett, passando pelos Beach Boys e pelos Doors. A partir de muito cedo focada sobretudo na sua dimensão autoral, a carreira do saxofonista conheceu momentos prolongados de voluntária obscuridade e, necessariamente, de ressurgimento criativo que comprovam a dedicação incondicional de Lloyd à sua arte e a profunda atenção aos sinais e fenómenos de transformação dos tempos. Após uns efervescentes anos 60, uma década de frenética atividade colaborativa e em que Lloyd toca ao lado dos então jovens e promissores Keith Jarrett, Cecil McBee e Jack DeJohnette, o saxofonista decide inesperadamente desaparecer de cena e é apenas passados quinze anos, após uma experiência traumática de proximidade com a morte, que decide voltar a dedicar-se à música. Desde então, Lloyd tem gravado com regularidade na prestigiada editora de jazz ECM com diferentes formações, colaborando com grandes músicos como Billy Higgins, Brad Mehldau, Geri Allen e Jason Moran, entre outros.

Neste concerto, Charles Lloyd, que regressa ao Guimarães Jazz depois de uma atuação memorável em 2010, apresentar-se-á em quinteto, uma formação que nele não é muito habitual. Kindred Spirits é o nome deste projeto com uma banda de excelência, que reunirá o pianista Gerald Clayton, o baterista Eric Harland, o guitarrista de jazz/blues de Chicago Marvin Sewell e o contrabaixista Harish Raghavan. Através dele, o público do festival terá de novo oportunidade de assistir à atuação ao vivo de um expedicionário músico com mais de oitenta anos de vida mas que, no entanto, se reinventa a cada momento, e cuja música parece obedecer sempre a uma força invisível, carregando nela uma emoção que existe no legado de um mundo que é já uma ruína gloriosa do futuro.

Preço
15,00 eur / 12,50 eur c/d

COMPRAR

Assinatura do Festival
90,00 eur

COMPRAR

Maiores de 6

Charles Lloyd saxofone, flauta
Gerald Clayton piano
Marvin Sewell guitarra
Harish Raghavan contrabaixo
Eric Harland bateria